Notícias, Notícias sobre o Arpa

Academia Nacional da Biodiversidade sedia curso prático sobre GPS e softwares de localização

A Academia Nacional da Biodiversidade (Acadebio) realizou um curso prático sobre GPS e softwares de localização, como Google Earth e TrackMaker, entre os dias 05 e 08 de agosto. Ao todo, 19 pessoas que atuam em Unidades do Programa de Áreas Protegidas da Amazônia (Arpa) foram capacitadas. Dez delas são do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).

Essas ferramentas de localização são utilizadas por técnicos e analisadas nas atividades de campo que apoiam a gestão das Unidades de Conservação (UCs) para facilitar a obtenção de dados geográficos e delimitação de áreas. “É uma forma de o usuário aprofundar o conhecimento desses softwares no dia-a-dia. A especialização, mesmo que básica, já demonstra uma melhora no domínio da técnica”, disse Caren Andreis, analista ambiental da Coordenação Regional em Florianópolis (CR9).

Os dados obtidos, após processados pelos softwares, geram informações que contribuem para o planejamento e monitoramento das ações de proteção, consolidação territorial, manejo e conservação de espécies, uso público, manejo e controle do uso de fogo e outras atividades que utilizam informações espaciais. “Já usava o equipamento, mas tinha algumas dificuldades na hora do manuseio. O curso ajudou muito nessa parte. Vai contribuir muito na elaboração de mapas”, afirmou Marcos Paulo Lima Barros, chefe da Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) do Juma, UC estadual do Amazonas.

*Matéria publicada no ICMBio em Foco dia 15/08/2014