Notícias, Notícias das Unidades de Conservação

Reserva Biológica do Jaru (RO) recepciona Festa da Colheita

A Reserva Biológica (Rebio) do Jaru, localizada no município de Ji-Paraná (RO), organizou, em parceria com  a Igreja Católica local e a Escola Municipal Jorge Teixeira, a “Festa da Colheita”. O objetivo foi promover a  educação ambiental junto à comunidade do pequeno e  aconchegante Distrito de Santa Rosa, em Vale do Paraíso (RO), no entorno da Rebio.

As atividades do dia tiveram início com um saboroso café da  manhã preparado pelas cozinheiras da comunidade e servido  aos participantes, seguido de uma celebração realizada pela  Igreja Católica local e por palestras realizadas pelos analistas  ambientais da Rebio, acerca de temas como Legislação Ambiental aplicada à Rebio do Jaru e Prevenção e Combate a  incêndios Florestais e Áreas de Pastagem.

Também participaram do evento a Secretaria Municipal do  Meio Ambiente de Vale do Anari (RO), por meio do secretário e conselheiro da UC. Ele ministrou uma palestra sobre  Legislação Ambiental aplicada a propriedades rurais.

Representante  da  Empresa  de  Assistência  Técnica  e  Extensão Rural de Rondônia (Emater-RO) ministrou  palestras  sobre  Piscicultura  e  Bovinocultura,  assuntos  de interesse da população local. Enquanto os adultos  participavam das palestras e tiravam suas dúvidas sobre os temas, as crianças tiveram o seu próprio espaço  e atividades relacionadas ao meio ambiente preparadas  especialmente para elas.

Após o término das atividades os comunitários saborearam  um delicioso almoço ao som da música ao vivo do cantor e  compositor regional Lu Ferreira. A maior parte dos recursos para o evento foram provenientes do Programa Áreas  Protegidas da Amazônia (Arpa), porém parte dos alimentos  e mão de obra foram doados pelos próprios comunitários,  incluindo o apoio dos brigadistas do ICMBio na montagem  e desmontagem das barracas.

A equipe gestora da Rebio do Jaru avalia que a “Festa  da Colheita” foi bem sucedida e alcançou seu objetivo.  “Ela será utilizada como base para realização de outros  trabalhos semelhantes nas demais comunidades do entorno da Rebio Jaru, que futuramente poderão receber  suas próprias edições do evento”, destacou o analista  ambiental e coordenador de Integração Externa da Rebio, Luciano Jesus de Lima.

* Matéria publicada no informativo ICMBio em Foco 354