Notícias, Notícias das Unidades de Conservação

RESEX do Baixo Juruá (AM) reúne conselho e instala placas de sinalização

Placa BotafogoEntre os dias 23 de março a 01 de abril, foi realizada a mobilização para XI Reunião do Conselho Deliberativo da Reserva Extrativista do Baixo Juruá, que acontecerá nos dias 25 e 26 de Abril no município de Juruá no estado do Amazonas. Atualmente, o conselho deliberativo é formado por dezessete cadeiras, sendo oito delas de representação direta dos comunitários, entre os seis conselheiros das comunidades, o representante da associação dos produtores da RESEX e o representante do grupo de jovens protagonistas da unidade. A mobilização é a oportunidade de esclarecer os assuntos da pauta da reunião do conselho, para que a comunidade apresente seu posicionamento ao seu representante, que será seu porta voz na reunião do conselho, no entanto, todos os comunitários são convidados e incentivados a participar da reunião. Além dos comunitários, foram convocados para a reunião, os representantes das instituições parceiras na cidade de Juruá, que também compõem o conselho deliberativo.

A expedição também teve o objetivo de instalar placas sinalizadoras nas comunidades da RESEX. Foram instaladas, com o apoio dos comunitários, 13 placas com a nomenclatura de cada comunidade pertencente a Reserva. Com as placas sinalizadoras quem passa em frente ou pretende entrar na comunidade, sabe que esta, integra uma unidade de conservação federal, estando sujeito as regras estabelecidas no plano de manejo da unidade. As placas também representam um marco físico para as comunidades, fortalecendo o sentimento de pertencimento a reserva extrativista. As atividades foram realizadas com recursos do Programa Áreas Protegidas da Amazônia (ARPA).

FONTE: ICMBio / Órgão Gestor da RESEX do Baixo Juruá (AM)

Notícias, Notícias das Unidades de Conservação

Resex do Alto Tarauacá (AC) comemora aniversário com conselheiros

A Reserva Extrativista (Resex) do Alto Tarauacá (AC) reuniu seu Conselho Deliberativo nos dias 12 e 13 de novembro para mais uma reunião ordinária. Na ocasião, foi discutido o papel do conselheiro e elaborado o Plano de Trabalho para o próximo ano. “Esta foi uma ocasião muito especial, pois pela primeira vez ocorreu a renovação do mandato dos conselheiros após a criação do Conselho, em dezembro 2010”, afirmou Camilla Helena da Silva, chefe da Resex.
Também houve apresentação da nova diretoria da Associação dos Serigueiros Agricultores Ribeirinhos do Alto Tarauacá (Asareat), discussão do Perfil do Beneficiário da Resex e apresentação dos resultados das pesquisas com quelônios e caça realizadas pelo Centro Nacional de Pesquisa e Conservação da Sociobiodiversidade Associada a Povos e Comunidades Tradicionais (CNPT) na Unidade. Ao final da reunião, foi comemorado com bolo e muita festa o aniversário de 14 anos da Reserva Extrativista, completados em 8 de novembro, e o início do mandato dos novos conselheiros.

Participaram da atividade Francisco José Figueiredo de Souza, da Resex do Alto Juruá; Rosenil Dias de Oliveira, da Base Avançada do CNPT em Rio Branco, além de Raimundo Maciel D ́avila e Camilla Helena da Silva, gestores da Resex do Alto Tarauacá. A atividade contou com o apoio do Programa Áreas Protegidas da Amazônia (Arpa).

 

* Matéria publicada no ICMBio em Foco 322
Notícias, Notícias das Unidades de Conservação

Parque Nacional da Serra do Pardo (PA) retoma reuniões do conselho

Entre os dias 19 e 20 de março de 2014 foi realizada na Base 1 do Parque Nacional da Serra do Pardo, no Pará, a segunda reunião do Conselho Consultivo da unidade de conservação (UC). Entre os temas abordados estiveram a elaboração do plano de manejo e a demarcação da unidade, que devem ocorrer ainda em 2014 com o apoio do Projeto Terra do Meio.

Além disso, foi realizada uma breve capacitação sobre plano de manejo, em que foram apresentados termos importantes para construção do documento e que serão aprofundados na oficina de planejamento participativo que ocorrerá no mês de junho.

O conselho debateu ainda a situação da população tradicional que vive na localidade. Foram esclarecidas várias dúvidas acerca dos usos dos moradores, determinando um calendário de ações para que haja um levantamento do perfil e diagnóstico participativo desses usos.

A Fundação Nacional do Índio (Funai) e a liderança indígena Inamoa Parakanã estiveram presentes na reunião, propondo um novo encontro para integrar as ações de proteção da Funai e Instituto Chico Mendes no Rio Xingu.

Por fim, um plano de ação foi estabelecido, buscando prever as atividades relacionadas à
regularização fundiária, proteção, pesquisa, termo de compromisso e plano de manejo. O Coordenador Regional da CR-3 reforço ainda a importância da participação social na gestão das unidades de conservação e agradeceu a oportunidade de dividir experiências com o conselho.

Na ocasião foi apresentada a nova gestora do parque, a analista ambiental Leidiane Diniz Brusnello, que agradeceu a disponibilidade dos conselheiros em participar da reunião e solicitou o apoio de todos para realizar um bom trabalho na gestão, que até então estava sem um responsável.

Comunicação ICMBio
(61) 3341-9280

* Matéria publicada no site do ICMBio em 25/03/2014