Uncategorized

Conheça o ARPA

O ARPA ( Programa Áreas Protegidas da Amazônia) é um programa do Governo Federal, coordenado pelo Ministério do Meio Ambiente (MMA), gerenciado  pelo FUNBIO (Fundo Brasileiro para a Biodiversidade) e financiado com recursos do Global Environment Facility (GEF) – por meio do Banco Mundial -, do governo da Alemanha – por meio do Banco de Desenvolvimento da Alemanha (KfW) – da Rede WWF – por meio do WWF-Brasil e do Fundo Amazônia, por meio do BNDES.

Foi lançado no ano de 2002 para durar 15 anos e ser executado em três fases independentes e contínuas. É tido com um dos maiores programas de conservação de florestas tropicais desenvolvidos no mundo e o maior ligado à temática das unidades de conservação no Brasil.

O Programa foi  criado com o objetivo de expandir e fortalecer o Sistema Nacional de Unidades de Conservação (SNUC) na Amazônia, proteger 60 milhões de hectares, assegurar recursos financeiros para a gestão destas áreas a curto / longo prazo e promover o desenvolvimento sustentável naquela região.

Reconhecido internacionalmente, o ARPA combina biologia da conservação com as melhores práticas de planejamento e gestão. As unidades de conservação apoiadas pelo programa são beneficiadas com bens, obras e contratação de serviços necessários para a realização de atividades de integração com as comunidades de entorno, formação de conselhos, planos de manejo, levantamentos fundiários, fiscalização e outras ações necessárias ao seu bom funcionamento.

O Programa Arpa encontra-se alinhado com as principais políticas e estratégias do governo brasileiro para a conservação da Amazônia, tais como:

– Plano Amazônia Sustentável (PAS), cuja integração com o Arpa acontece à partir da consulta e envolvimento de diversos setores das sociedades regional e nacional, além de permear os cinco eixos temáticos prioritários do PAS: produção sustentável com tecnologia avançada, novo padrão de financiamento, gestão ambiental e ordenamento territorial, inclusão social e cidadania e infra-estrutura para o desenvolvimento;

– Plano de Ação para Prevenção e Controle do Desmatamento na Amazônia Legal (PPCDAM), cujas contribuições e interfaces com o Arpa estão na sintonia entre os objetivos e diretrizes gerais de ambos, incluindo as metas do PPCDAM de ordenamento fundiário e territorial da região, através da criação e consolidação de UCs;

– Plano Nacional de Áreas Protegidas (PNAP), com o qual o Arpa colabora para o cumprimento de diversas diretrizes, como a de assegurar a representatividade dos diversos ecossistemas e a de promover a articulação de diferentes segmentos da sociedade para qualificar as ações de conservação da biodiversidade;

– Plano Nacional sobre Mudança do Clima (PNMC), que tem no Programa Arpa importante apoio para sua consecução. Somente a criação de 13 UCs na Amazônia entre 2003 e 2007 com o apoio do Arpa evitará, até 2050, a emissão de 0,43 bilhões de toneladas de carbono na atosfera. Dessa forma, a expansão futura do SNUC na Fase II do Arpa e a melhoria na gestão das UCs poderão aumentar a contribuição do Programa para a redução das taxas de desmatamento na Amazônia Legal.

Vídeos

Vídeos / Videos / Movies

Vida Selvagem na Reserva Biológica do Gurupi

Vídeo elaborado pelo CENAP com imagens de armadilhas fotográficas registradas durante o projeto “Avaliação populacional da onça-pintada na Reserva Biológica do Gurupi”, realizado em parceria entre o CENAP e a REBIO do Gurupi, com apoio financeiro do programa ARPA.

 

Missão da WWF US encontra onça-preta no PARNA Juruena (AM/MT)

Animal raro foi filmado pela equipe da MAC Foundation e WWF U.S. durante visita à comunidade Barra de São Manoel, onde tiveram a oportunidade de conhecer um pouco da realidade local da comunidade e das Unidades de Conservação PARNA Juruena (MT/AM) e Mosaico do Apuí (AM), apoiadas pelo Programa ARPA.

Produção: WWF

 

Arpa para a Vida é destaque na TV Senado

Em entrevista ao programa Cidadania, Sérgio Carvalho, coordenador de Áreas Protegidas do Ministério do Meio Ambiente (MMA), fala sobre a criação do fundo de 477 milhões de reais que vai garantir a continuidade do Programa Arpa pelos próximos 25 anos.

Produção: TV Senado

 

Apresentação do Programa Arpa

Reconhecido internacionalmente, o Arpa combina biologia da conservação com as melhores práticas de planejamento e gestão. As unidades de conservação apoiadas pelo programa são beneficiadas com bens, obras e contratação de serviços necessários para a realização de atividades de integração com as comunidades de entorno, formação de conselhos, planos de manejo, levantamentos fundiários, fiscalização e outras ações necessárias ao seu bom funcionamento.

Produção: WWF Brasil

Cazumbá, imagens e sons da Amazônia

“As Amazônias da Cazumbá” foi o nome dado à expedição vídeo-fotográfica realizada na Reserva Extrativista (Resex) Cazumbá-Iracema, em Sena Madureira, no Acre. O evento realizado em janeiro de 2012 abriu a série de atividades programadas para 2012 em comemoração aos dez anos de criação da unidade de conservação (UC). A expedição que foi organizada pelo I Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) com apoio do Programa Áreas Protegidas da Amazônia (Arpa), onde buscou retratar a realidade sociocultural e as belezas naturais da Resex, que guarda várias fisionomias da Amazônia.

Produção: RESEX Cazumbá-Iracema (2013)

 

Gincana Ecológica do Médio Juruá (AM) – Reserva de Desenvolvimento Sustentável UACARI

Conheça o trabalho de preservação dos quelônios no médio Juruá. São monitoradas 13 praias de tabuleiros sendo 9 na RDS/UACARI e 4 na RESEX do Médio Juruá. Esse é um trabalho realizado há mais de 20 anos pelos comunitários da reserva. A Gincana é a festa da soltura dos filhotes de quelônios após os 6 meses de trabalho.

Produção: RESEX do Médio Juruá (2013)

 

Documentário: Reserva Extrativista do Baixo Juruá (AM)

Em agosto de 2001 foi criada a RESEX do Baixo Juruá, unidade de conservação federal de uso sustentável, com o objetivo de promover a conservação dos recursos naturais e a manutenção dos meios de vida da população tradicional residente.

Produção: Programa Arpa (2012)

Documentário: Reserva Extrativista do Médio Juruá (AM)

Um filme que abrange as conquistas sociais da Reserva Extrativista do Médio Juruá, os avanços em questões de gênero, juventude, o sucesso da gestão socioambiental, a história, a produção extrativista de produtos como o açaí, andiroba, o látex e o manejo do pirarucu.
Produção: Coordenação de Educação Ambiental do ICMBio (2013)

 

Vozes da Floresta

Uma expedição à Terra do Meio, projeto que tem a missão de contribuir com a redução do desmatamento e com a conservação da biodiversidade da região Amazônica a partir do apoio à consolidação de 11 (onze) Unidades de Conservação na região denominada Terra do Meio, localizada na porção central do sul do estado do Pará.
Produção: Estação Ecológica da Terra do Meio (2013)

 

‪Projetos contemplados pelo Fundo Amazônia, administrado pelo BNDES‬

Vídeo institucional do Fundo Amazônia, criado em 2008 e destinado ao financiamento de projetos de prevenção, monitoramento e combate ao desmatamento, e de promoção da conservação e do uso sustentável das florestas na Amazônia. Conheça três projetos contemplados pelo Fundo Amazônia: Áreas Protegidas da Amazônia (ARPA), Sementes do Portal e Olhos d’Água da Amazônia. Além de assistir aos depoimentos, saiba também objetivos, números e informações sobre doações para o Fundo, gerido pelo BNDES.
Produção: BNDES (2012)

 

Por dentro do ARPA (Areas protegidas da Amazônia)

O vídeo mostra o funcionamento do programa e o trabalho do Funbio na aquisição de bens e contratação de serviços.
Produção: Funbio (2011)

 

‪ARPA – Amazon Region Protected Areas Program‬

Vídeo institucional de apresentação do Programa Arpa em inglês.
Produção: Ministério do Meio Ambiente (2011)

Meio Ambiente por Inteiro – Áreas Protegidas da Amazônia – ARPA – p‬arte I

Meio Ambiente por Inteiro – Áreas Protegidas da Amazônia – ARPA – p‬arte II

Quando falamos em áreas protegidas nos referimos aos espaços territoriais que têm a função de preservar a biodiversidade e garantir o uso sustentável dos recursos naturais. No Brasil, são chamadas de unidades de conservação e representam, atualmente, cerca de 8% do território nacional. Pensando na proteção dessas áreas, o ministério do meio ambiente lançou em 2002 o programa áreas protegidas da Amazônia ou, ARPA que protege 22,7% da área total de unidades de conservação do Brasil.
Produção: TV Justiça (2011)

 ‪Áreas Protegidas da Amazônia – Arpa‬

O Programa Áreas Protegidas da Amazônia (Arpa) é o maior programa de conservação e uso sustentável de florestas tropicais do planeta e tem como objetivo proteger 60 milhões de hectares da Amazônia brasileira até 2013. Coordenado pelo Ministério do Meio Ambiente, o Arpa possui um arranjo institucional inovador de parceria público-privada no qual o Funbio participa ativamente desde sua concepção.
Produção: Funbio (2010)

 

‪ICMBio – Rebio Rio Trombetas e Flona Saracá Taquera‬

A Floresta Nacional Saracá-Taquera (FLONA) foi criada pelo Decreto nº 98.704, em 27 de dezembro de 1989. É uma unidade de uso sustentável que prevê desenvolvimento de projetos e pesquisas com uso sustentável dos recursos da floresta. A biomassa da floresta tropical é das mais altas já encontradas, além de possuir altos índices de diversidade de fauna e flora. A unidade é adjacente à Reserva Biológica do Rio Trombetas, que juntas compõem as UC federais do Rio Trombetas responsáveis pela proteção/preservação de cerca de 800.000 ha do Bioma amazônico. Deste de 2002 a gestão destas unidades foi unificada, com uma chefia única e compartilhamento dos recursos humanos e materiais disponíveis.
Produção: Funtec-DF (2010)

 

O Chamado da Samaúma

Na floresta amazônica, a Samaúma é uma árvore imponente, de raízes enormes e tabulares, conhecidas por sapopemas. Diz a lenda que a árvore-mãe da floresta também é utilizada pelos curupiras, seres mitológicos e sobrenaturais, que defendem a floresta de seus agressores. Nas noites escuras, os caçadores tremem de medo ao ouvir as batidas dos curupiras nas samaúmas. A história é contada pelos seringueiros da Amazônia.
Produção: Ricardo Carvalho (diretor) e Ronaldo Weigand (roteiro e ideia original) (2008)

 

‪Video Relatório do Evento ARPA no Carnegie Hall‬

O evento de promoção do ARPA consistiu em um concerto com a Orquestra Bachiana, de João Carlos Martins, e um coquetel para doadores potenciais e convidados especiais.
Produção: Nave Terra (2008)

RDS Piagaçu Purus (AM): Parte I e Parte II

O vídeo-documentário “Reserva de Desenvolvimento Sustentável Piagaçu – Purus” acompanha a expedição do Instituto Piagaçu, que leva às comunidades do Purus a notícia da criação da reserva. O vídeo enfoca o povo do Purus e o seu modo de vida, os recursos naturais da região, a pesca industrial e a comercialização de animais silvestres, feitas por barcos vindos das grandes cidades. Estas riquezas vem sendo exploradas há décadas, como é mostrado nas imagens de arquivo do filme “No Pais das Amazonas”, produzido em 1930 e inseridas no documentário.O documentário “Reserva de Desenvolvimento Sustentável Piagaçu – Purus” apresenta o trabalho inicial da equipe do instituto para a implantação de pesquisas científicas e programas sociais, que visam a melhoria da qualidade de vida do povo ribeirinho e a conservação da biodiversidade.

Produção: Instituto Piagaçu (2008)

 

Amazon Region Protected Areas Project – ARPA

Apoiando o Arpa, o Banco Mundial visa expandir e consolidar o sistema de áreas protegidas na região amazônica do Brasil.
Produção: Banco Mundial (2007)

Uncategorized

Comitê do Fundo de Áreas Protegidas (FAP) realiza 1ª reunião de 2012

O Comitê de Administração (CA) do Fundo de Áreas Protegidas (FAP) realizou a 1ª Reunião Ordinária no dia 8 de maio de 2012 e aprovou a minuta de Regimento Interno do FAP que será apreciada pela Assembléia de Doadores no próximo dia 17 de maio. Ainda foram aprovados os tetos de recursos do FAP para a manutenção das duas primeiras UCs a receberem recursos do FAP: o Parque Estadual do Cantão e da Reserva Biológica do Jaru, que também serão submetidos à Assembleia de Doadores. Maiores informações sobre a reunião podem ser visualizadas por meio da ata da reunião.

 

Notícias, Uncategorized

Evento de Lançamento do Plano Operativo de Investimentos

O Programa Áreas Protegidas da Amazônia realizou
no dia 21 de março de 2012, o lançamento de seu
Plano Operativo 2012-2013 com as presenças da
Ministra, de Secretários de Meio Ambiente, de
representantes do governo alemão, KfW e do
Banco Mundial. Nesta ocasião, além do lançamento
do Plano Operativo (R$ 3 milhões para apoiar 17
processos de criação de UCs e R$ 51,5 milhões para
a consolidação de UCs), foram assinados os Acordos
de Doação do BIRD (USD 15,9 milhões) e do KfW
(EUR 20 milhões) e a assinatura dos Acordos de
Cooperação Técnica com o Funbio e com os Estados
do Pará e do Amapá.
Neste evento, houve também o anúncio do lançamento
do Projeto Terra do Meio, no valor de € 6,985 milhões,
para a consolidação de 11 Unidades de Conservação
no estado do Pará entre 2012 e 2015, com recursos
da União Européia.

Notícias

Negociação da Doação do GEF/BIRD para a Fase 2 do Arpa

Na sexta-feira, dia 20 de janeiro, foi realizada na sede do Banco Mundial em  Brasília

uma reunião de negociação sobre a doação do Global Environment Fund (GEF),

no montante de US$ 15,89 milhões, para a Fase 2 do Arpa.

Além dos representantes do Banco Mundial, estavam presentes o KfW, o WWF, o Funbio

e a Unidade de Coordenação do Programa (UCP/MMA).
Por meio de uma vídeo conferência com a equipe do Banco em Washington foi aprovada
a minuta do Termo de Doação para a Fase 2 do Arpa que será submetida ao Conselho
Diretor (Board) para aprovação final e depois assinatura das partes.

A negociação do Arpa com o GEF/Banco Mundial para obtenção de fundos para a Fase
2 do Programa teve início em 2010 e requrereu a não objeção do Banco Mundial nos
documentos de Salvaguarda (Avaliação Ambiental, Estratégia de Participação dos Povos

Indígenas e Marco de Reassentamento Involuntário) e a aprovação do Manual Operacional

do Arpa, pelo Banco e pelo Comitê do Programa Arpa (CP). Espera-se que em abril de

2012 os  recursos advindos daquele doador sejam disponibilizados para o Programa.

Notícias

Novas UCs

O Programa Arpa divulga lista provisória de solicitações de apoio
à criação e consolidação de Unidades de Conservação para
financiamento no âmbito de sua segunda fase de implementação.
As candidaturas são encaminhadas pelos órgãos gestores de UCs
localizadas no bioma Amazônia.
A próxima etapa consite na avaliação e escolha das propostas que
melhor atendem aos critérios estabelecidos pelo Programa com
vistas a promover a expansão e a consolidação do Sistema de
Unidades de Conservação na Amazônia brasileira.
Para acessar a lista clique aqui.