Categoria Home, Categoria Institucional

Componente 1: Criação de Novas Unidades de Conservação

OBJETIVO:
Apoiar a criação de unidades de conservação em áreas importantes para a representatividade e funcionamento ecológico do bioma Amazônia do Brasil.

Subcomponente 1.1: Identificação das Áreas Prioritárias para Criação de Unidades de Conservação
OBJETIVOS:
Identificar áreas prioritárias para a criação de unidades de conservação no bioma Amazônia em consonância com os esforços de reconhecimento já realizados pelo Governo Federal e pelos Governos Estaduais, a partir da realização de estudos de planejamento sistemático para a conservação que considere a necessidade da representatividade biológica, a análise das lacunas, a demanda local por unidades de conservação de uso sustentável, a presença de populações tradicionais indígenas, não indígenas e quilombolas, a intensidade das ameaças, as possíveis áreas mais afetadas pelas mudanças climáticas e questões relativas ao pagamento por serviços ecossistêmicos e pelo uso da biodiversidade.

METAS:
·    Realização de dois estudos de planejamento sistemático para a conservação, sendo um no início e outro no final da Fase II.
·    Atualização do Mapa de Áreas Prioritárias para a Conservação, Uso Sustentável e Repartição dos Benefícios da Biodiversidade Brasileira – Bioma Amazônia e a geração de um Mapa de Áreas Prioritárias para criação de unidades de conservação.

Subcomponente 1.2: Criação de Unidades de Conservação
OBJETIVOS:
Apoiar as atividades necessárias à criação de novas unidades de conservação em conformidade com a legislação e com os princípios do programa.

META:
·    Criação de 13,5 milhões de hectares de unidades de conservação na Amazônia brasileira